Nada a ler

Uma nuvem negra, dessas que pairam sobre a cabeça e vão nos perseguindo por onde quer que andemos. Ao invés de derramar água, deixa cair uma enxurrada de pensamentos feios. Ela quer é derrubar, passar para trás, nos fazer cair e dar de cara com o chão. POFT.

Já viu disso? Sonoplastia "onomatopéica" exemplar.

Hoje estou mais aleatória do que nunca. Deve ser o sono ou os acontecimentos ou, sei lá, loucura mesmo.

Às vezes, fico me perguntando se algo ainda vai dar certo. Romanticamente falando, sim. Tenho a impressão que vou morrer só e isso me angustia. Sabe? Não ter ninguém para chorar a minha morte. Que merda.

Egoísmo é foda, vou te contar.

Pior, já pensou por quantos relacionamentos furados eu vou ter que passar até morrer? Acho melhor adiantar o serviço, senão fodeu.

Tenho medo disso. E de ficar muito velha também. De depender dos outros, por causa de alguma doença grave. Parkinson, talvez. É, deve ser o exemplo feio na família.

Família? Que família?
A minha?
É piada?

Eu preciso ter filhos, é fato. Preciso construir a coisa do meu jeito.

Mas aí penso: "Porra, mas como eu sou egoísta! Colocar alguém no mundo por puro capricho?"

Ser humano é uma merda.

Mas eu sou humana, fazer o quê? Vou engravidar.

10 comentários:

Vitor disse...

Suas angústias, são as minhas angústias... penso que viverei e morrerei só. Por isso vivo um dia de cada vez, sem propósito algum. Vou vivendo... levando... indo...

o amnésico disse...

Procurar um sentido é perder o momento. E o próximo nunca vai encontrar você onde o anterior te deixou.

Qual o significado disso? Eu não sei, como não sei como é engravidar.

Melhor calar a boca, então...

diego bueno disse...

Ter uma família pra não morrer sozinho...É um ponto de vista muito válido...mas acho q algumas pessoas não tem muita aptidão pra criar uma família...

Valentim disse...

Antes de tudo, precisamos procurar o sentido para a nossa vida. Procurando o sentido para a nossa vida, passaremos a nos amar e com isso, amaremos o nosso próximo. Desta forma, estamos jogando por terra o egoísmo. Beijos.

Mariliza Silva disse...

Colocar um filho no mundo não será capricho seu, muito menos egoismo. O capricho é Divino e será para você um presente eterno e incontestável!

Que venha esta criança que terá orgulho de ser seu filho!!!!

Beijos, querida!

Mariliza

Jota disse...

Ah, é uma merda, sim, essa é uma das poucas certezas que eu tenho. Talvez a única.

E eu nem penso muito nela, pra manter o pouco que ainda resta de sanidade mental em mim.

É por isso que eu sei que embora eu não queira ter filhos agora, vai chegar uma hora em que eu vou querer. É batata.

Deve ser o preço de uma leve decadência. Ou, quem sabe, não. Talvez eu resista. Não sei.

Ah... Eu quero uma cerveja.

Edna Federico disse...

É um medo válido, mas vou ser sincera: filho não resolve seu problema, pois não criamos os filhos pra gente...eles são do mundo...não é assim com você?
Ah, e claro que não vou ficar chateada sobre o convite...no problem, ok?
Beijos

Ana D disse...

A vida boa é aquela que não se planeja, quando a gente planeja dá tudo errado ! rs...Faz e aprende fazendo..Inclusive a ser mãe..Instinto....

Duda disse...

pow, falasse td q ando sentindo ultimamente... será qua alguma coisa ainda vai da certo? " E a propria fe eh q destroi". Bom, capricho ou nao, somos humanos mesmo, e eh a vida... nmas pelo menos temos amigos.
Ei exagerada, quem vai cuidar dos teus filhos ate eles cuidarem de tu se tiveres uma doença grave? Aliais, como tu vai ter um filho com uma doenças dessas? :P
te amo boboca!
Ps: Falando serio, tu sabe q as vezes eu tenho esses mesmos pensamentos q tu, por isso q a gente ainda vai se jogar de predio do CFCH la da federal`:P

laura disse...

menina, como a vida é confusa não é?
é bom desabafar as coisas loucas (ou não) que nos passam a cabeça.
egoísmo é loucura, mas existe ser mais egoísta que o ser humano?

egoísta ou não, faça sempre aquilo que achar mais certo!

melhoras para o seu coração!

adoro-te viu...
E morte.. Meu Deus! Que coisa fascinante!
E não diga que ninguém vai chorar a sua morte... não existe ninguém.